O Grupo Daimler tem uma nova empresa aqui: a Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil. Responsável apenas por veículos de passeio e comerciais leves, a operação, totalmente dissociada d adivisão de caminhões e ônibus, integra perto de 650 pessoas, dentre funcionários administrativos exclusivos alocados em São Bernardo do Campo e Campinas, trabalhadores da fábrica de automóveis de Iracemápolis (SP).

“A nova estrutura nos torna mais focados. É imprescindível que estejamos totalmente dedicados. Vamos fazer isso com duas receitas: atendendo as demandas do mercado local, mas acompanhando na mesma velocidade as inovações tecnológicas mundiais”, afirma Holger Marquardt, presidente da nova empresa, que responde diretamente à matriz na Europa.

A criação da unidade veículos leves local replica modelo que está sendo adotado mundialmente pelo grupo alemão desde o ano passado e que determina empresas totalmente dedicadas a cada segmento. Essa estrutura começou em outubro, com o registro comercial na Alemanha.

Desde então, a Daimler AG segue como empresa holding responsável pelas funções de governança de todo o grupo, tendo abaixo a Daimler Truck AG (Caminhões & Ônibus), Mercedes-Benz AG (Automóveis & Vans) e Daimler Mobility AG (Serviços Financeiros e de Mobilidade).

Assim, a partir deste mês, o conglomerado alemão conta com três empresas legalmente independentes no Brasil. A Mercedes-Benz do Brasil, a maior delas, com cerca de 10 mil funcionários, continuará respondendo integralmente pelas operações de produção e vendas de caminhões e ônibus.

Anúncio

LEIA MAIS

→ Mercado de caminhões avança 33% em 2019

→ Mercedes-Benz cria consórcio conjugado

Dela fazem parte as unidades de Juiz de Fora (MG), de São Bernardo do Campo, Campinas e o Campo de Provas de veículos comerciais em Iracemápolis (SP).

Seu comando seguirá nas mãos de Philipp Schiemer, que vinha respondendo por todo o grupo aqui. No ano passado, a divisão liderou o mercado interno de caminhões com 29,9 mil unidades negociadas, perto de 30% de participação.

A terceira empresa também já é bem conhecida dos brasileiros: o Banco Mercedes-Benz do Brasil, cujo presidente e CEO é Christian Schüler. O braço financeiro, também responsável por seguros, tem sede na capital paulista e conta com quase 300 funcionários.


Foto: Divulgação/ Daimler