A Hyundai decidiu manter o pé no freio das atividades de sua fábrica de Piracicaba, SP. A empresa anunciou nesta terça-feira, 26, que a unidade seguirá operando com apenas um turno de produção de 27 de maio a 25 de junho.

Também em acordo com o Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Piracicaba (STMP), prorrogará a suspensão de contrato de trabalho (lay-off), sem redução de salários, para os dois turnos restantes e as equipes administrativas e dos escritórios em São Paulo pelo mesmo período.

A montadora afirma que as medidas se devem ao atendimento de determinações de isolamento social em vigor no Estado de São Paulo e também à retração da economia nacional.

A Hyundai enfatiza que, a exemplo do que aconteceu no primeiro período de suspensão de contratos iniciado em 27 de abril e que se encerra exatamente nesta terça-feira, 26, complementará o benefício emergencial do governo federal determinado pela legislação, acrescido de  ajuda compensatória. Assim, os funcionários seguirão recebendo o mesmo salário líquido, sem redução.

Anúncio

A fábrica de Piracicaba, onde são produzidas versões hatch e sedã do HB20 e o SUV Creta, voltou a trabalhar em um turno no dia 13 de maio, com mínimo apoio adminsitrativo. A montadora, porém, afirma que continuará observando o desempenho da economia e as orientações sanitárias e, “caso haja alteração do cenário atual, outras ações podem ser tomadas”.

LEIA MAIS

→ Hyundai reforça Creta com nova opção e versão mecânica mais barata

 


Foto: Divulgação