Além de participar dos test-drives com seu veículo 100% elétrico, o Leaf, a Nissan promete divugar novas ações da marca na área de eletrificação durante o Electric Experience, evento iniciado nesta terça-feira, 30, em Tuiuti, no interior paulista, com término programado para o domingo, 5.

Dentre as novidades já reveladas, destaca-se a tecnologia V2G (vehicle-to-grid ou do veículo para a rede), que permite que o veículo sirva para armazenar e gerar energia para equipamentos elétricos ou mesmo para a rede, quase como uma espécie de bateria sobre rodas. O recurso será usado em uma das atrações da marca no evento.

“Vamos demonstrar toda a experiência mundial da Nissan em eletrificação e permitir que mais brasileiros conheçam e dirijam o Leaf, nosso modelo que é um sucesso de vendas no Brasil em seu segmento. E teremos muitas novidades, mas estas só iremos revelar durante o evento”, comenta Humberto Gomez, diretor de marketing da montadora no Brasil.

O Electric Experience, realizado no Haras Tuiuti, é o primeiro evento focado em test-drives em pista com automóveis 100% elétricos vendidos no Brasil. Nesta terça-feira, dia de abertura, o espaço – que conta com a participação de 12 marcas – foi reservado para a imprensa e locadoras.

Anúncio

LEIA MAIS

Nissan contrata para início de segundo turno em 2022

Nissan amplia pontos de venda do Leaf no Brasil

Nos próximos dias vão participar profissionais das áreas de marketing e engenharia das montadoras e importadores, convidados e público em geral. Mais informações podem ser obtidas no site http://electricexperience.com.br/.

Com relação ao Leaf, a Nissan informa que já foram vendidas mais de 500 mil unidades vendidas em todo o mundo. A segunda geração do modelo, lançada no Brasil em 2019, oferece grande eficiência energética por meio baterias de íon-lítio de 40 kWh. O conjunto entrega potência equivalente a 149 cavalos (110 kW) e torque de 32,6 kgfm, com emissão zero.

Em um levantamento da Nissan do Brasil, com dados médios de mercado para o custo do litro de gasolina e do quilowatt-hora (kWh), verificou-se que a redução de custos de recarga/abastecimento pode chegar a 75% ao se rodar com um Leaf em comparação com um automóvel de tamanho similar com motor a combustão.