Por Redação

O Grupo PSA promove a mudanças na gestão das marcas Peugeot, Citroën e DS no Brasil e América Latina. A partir de 1º de fevereiro, Ana Theresa Borsari, responsável pelo Peugeot no Brasil, assume também o comando da Citroën e DS no lugar de Paulo Solti que, por sua vez, foi designado para comandar a Direção de Programas e Desenvolvimento do Grupo PSA na América Latina em 1º de agosto, após temporada na matriz da empresa em Paris, França.

As estruturas comerciais das marcas no País seguem independentes.

Segundo comunicado divulgado à imprensa, as alterações fazem parte de tendência mundial do Grupo em centralizar a direção destas três marcas, contribuindo na rapidez para tomadas de decisões, como também para que “a estratégia das marcas se torne cada vez mais complementar e coerente com seus respectivos posicionamentos”.

Solti substituíra Laurent Simionesco, que estará de volta à França a partir de 1º de agosto, onde assumirá cargo ainda a ser revelado. Dentre as futuras atribuições de Solti no posto está a de elaborar plano estratégico global para a América Latina, o que inclui as áreas de veículos, motores, produção e fornecimento, planejar recursos e investimentos e estar à frente do planejamento dos projetos da concepção ao lançamento efetivo do produto.

Anúncio

Leia também

→Carlos Gomes deixa o Brasil para assumir novas funções na China

Ambos os executivos reportarão a Patrice Lucas que assumirá a presidência do Grupo PSA na América Latina em 1º de fevereiro de 2018 no lugar de Carlos Gomes, indicado para liderar as operações do Grupo na China e Sudeste da Ásia.


Fotos: Grupo PSA/Divulgação