O volume de produção de veículos no País registrou uma queda de 13,4% no primeiro bimestre. Nos dois primeiros meses do ano a indústria produziu 395,9 mil unidades, enquanto no mesmo período de 2019 saíram das linhas pouco mais de 457 mil automóveis, caminhões e ônibus.

Para a Anfavea, o resultado se apresenta dentro da normalidade, previsto pela associação. “A produção seguiu ritmo normal, mas foi afetada pelo Carnaval, que influenciou a resultado do acumulado, além das dificuldades com as exportações”, avaliou Luiz Carlos Moraes, presidente da associação, durante apresentação mensal do desempenho do setor automotivo, na sexta-feira, 6.

Apesar da folia no meio do caminho, o ritmo no chão das fábricas em fevereiro se apresentou maior do que em janeiro. No mês passado, a indústria produziu 204,1 mil veículos, volume 6,5% superior ao anotado no primeiro mês do ano, de 191,7 mil unidades. Na comparação com fevereiro de 2019, no entanto, quando o calendário não marcou o Carnaval, o recuo foi de 20,8%.

Produção de caminhões segue estável

No primeiro bimestre, a produção de caminhões foi o que menos sentiu os efeitos da festa de Momo. Sustentada pelo mercado interno, a categoria encerra o período praticamente estável com relação ao ano passado. No acumulado de janeiro e fevereiro, saíram das linhas 16,3 mil unidades, ligeira baixa de 0,9% em relação do mesmo período de 2019, com 16,4 mil caminhões.

Anúncio

No segmento de veículos leves, a produção recuou 13,9% nos dois primeiros meses, de 436,2 mil unidades acumuladas no ano passado para 375,6 mil automóveis comerciais leves registrados agora.

Queda no bimestre também apresentou a produção de ônibus. No acumulado de janeiro e fevereiro, os 3,9 mil chassis produzidos representaram um recuo de 10,4% na comparação o volume anotado nos dois primeiros meses do ano passado, de 4,4 mil unidades.

LEIA MAIS

→Produção nacional de veículos recua 3,9% em janeiro

→GM paralisará produção em S.J dos Campos por duas semanas

→Anfavea prevê alta de 7,3% na produção de veículos este ano


Foto: Hyundai/Divulgação