Balanço parcial da Fenauto, Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores, indica uma retomada contínua no mercado de carros usados, com tendência de já na primeira semana de agosto as vendas retomarem volumes pré-pandemia.

“O movimento positivo vem se repetindo há algumas semanas, praticamente sem interrupções”, informa o presidente da entidade, Ilídio dos Santos. “Isso sinaliza que o setor de veículos seminovos e usados está em um processo de recuperação mais acelerado do que o de 0 km”.

LEIA MAIS

Mercado de veículos usados mantém trajetória de alta

Mercado de seminovos cresce 87,3% em junho sobre maio

Retomada mais robusta no mercado de veículos usados

Anúncio

O executivo destaca que se não houver nenhum incidente de percurso, o mercado estará normalizado já no mês que vem, atingindo números similares aos registrados no início do ano, quando o setor apostava em boas perspectivas para 2020.

A Fenauto informa que entre os dias 20 e 26 de julho, a média diária de transferências foi positiva em 8%, com um total de 54.232 veículos. As transferências, atualmente, são 11% menores do que o volume verificado antes do início da quarentena implantada em março, mas o mercado segue em ascensão, sinalizado mais emplacamentos já na próxima semana.

No caso do mercado de veículos novos, a expectativa é de alta de 25% a 30% este mês com relação a junho, o que representaria entre 150 mil a 160 mil unidades, ainda uma queda na faixa de 30% no comparativo com idêntico mês de 2019. A retomada mais acelerada dos usados já era esperada pelos executivos do setor, seja pela troca de um carro mais novo por um mais velho para fazer caixa, seja pela busca de transporte individual para fugir do coletivo.