A BYD começou a oferecer ao mercado transportador o pequeno furgão 100% elétrico eT3 em versão dotada de compartimento de carga refrigerado pronta para o trabalho. Para a novidade, a fabricante tem parceria com a Thermo King, que fornece o sistema de refrigeração, a Fibrasil, responsável pelo isolamento da carroceria.

De acordo com a BYD, o modelo entrega capacidade para 475 kg de carga em espaço de 2,2 m³ e possibilidade de manutenção da temperatura de 0°C a +5°C. Para a empresa, características adequadas para aplicações no transporte de alimentos perecíveis e de medicamentos.

O eT3 proporciona autonomia de até 250 km e possibilidade de recargas rápidas de 20% a 80% da bateria em 20 minutos, suficiente para mais 180 km de alcance. “Ampliamos o leque para as empresas poderem contar com esta solução sustentável em suas frotas”, resume Henrique Antunes, diretor de Vendas da BYD.

O furgão da BYD ainda entrega um pacote generoso de itens de segurança e conveniências, casos da fechadura com sensor de presença, duas portas laterais deslizantes, sensores de estacionamento, assistente de saída em rampa, sistema regenerativo da energia de frenagem, alertas para presença de pedestres, ar-condicionado digital e revestimento de couro nos bancos.

Embora ainda insipiente no País, o transportador brasileiro atuantes na distribuição urbana de carga começa a ter mais opções para compor frota sem emissões de gases poluentes. Além da BYD com o eT3, a JAC tem a oferta do caminhão leve iEV1200T, já em operação com transportadoras como a RTE Rodonaves.

Anúncio

Volkswagen Caminhões e Ônibus também está preste a fazer o lançamento comercial do e-Delivery, modelo que será produzido na fábrica de Resende (RJ), com o qual a fabricante tem acordo de 1,6 mil unidades a serem entregues até 2023 para a Ambev, das quais 100 confirmadas para este ano.

LEIA MAIS

→Byd lança nova versão do furgão 100% elétrico eT3

→BYD investe R$ 15 milhões em fábrica de baterias em Manaus

→RTE Rodonaves incorpora caminhões elétricos da JAC na frota

→VW e-Delivery pronto para ser produzido em série


Foto: BYD/Divulgação