A Volkswagen Caminhões e Ônibus vendeu as primeiras 100 unidades promocionais de lançamento do e-Delivery. A reserva definida como pré-venda se esgotou quatro semanas depois da apresentação oficial do caminhão ao mercado, em 13 julho. Os veículos foram faturados tanto para clientes finais quanto para a rede de concessionárias.

Na ocasião do lançamento comercial, a VWCO preparou oferta na qual os primeiros 100 modelos negociados entregariam um pacote de benefícios. Juntamente com o caminhão, o transportador receberia serviço de conectividade da plataforma Rio, programa de gestão de frota e-Fleet, garantias de dois anos para o trem de força e cinco para o conjunto de baterias.

Com as recentes encomendas, a fábrica de Resende (RJ) passa a ter uma programação inicial de ao menos 200 e-Delivery para produzir. Isso porque, a fabricante já havia oficializado a entrega de 100 unidades até o fim do ano para a Ambev. A cervejaria é uma das maiores parceiras no projeto como cliente por manifestar intenção de compra de 1,6 mil unidades do modelo até 2025.

Anúncio

Nas vendas do lote promocional, a Coca-Cola Femsa receberá 20 unidades e JBS uma. Entretanto, o CEO e presidente da VWCO Roberto Cortes  já chegou a revelar que 58 empresas também estariam interessadas em integrar caminhões elétricos na frota.

LEIA MAIS

→VWCO inicia novo capítulo com o lançamento comercial do e-Delivery

→VWCO estrutura novo modelo de negócio para o e-Delivery

→VWCO inicia produção em série do e-Delivery

→e-Delivery coloca a Moura como mais uma parceira da fábrica da VWCO


Foto: VWCO/Divulgaçao